Almoço com Negócios

UNIT propõe educação como fator de mobilidade social em 5ª Edição do Almoço com Negócios

Faturamento de R$ 316 milhões em 2014. Mais de 2400 colaboradores. Quase 1500 docentes. Cerca de R$ 3,4 milhões pagos em impostos federais. Mais de R$ 11 Milhões pagos em impostos municipais. Aproximadamente 50 mil estudantes. Cinco mestrados. Cinco Doutorados. Presença em 8 países.

 

Esses foram alguns dos números apresentados pelo superintendente da Universidade Tiradentes, Ihanmark Damasceno, na tarde dessa sexta-feira, 14, durante a 5ª Edição do Almoço com Negócios, promovido pela Associação Comercial e Empresarial de Sergipe – Acese -, no Hotel Radisson, na Orla da Atalaia.

 

Além dos números, que refletem a importância da Unit para o desenvolvimento econômico de Sergipe, o representante da Instituição também pontuou o feedback com o empresariado. “Somos uma grande universidade e possuímos uma intensa parceria com o setor produtivo já que somos formadores de capital humano”, afirmou Ihanmark.

 

Compuseram a mesa, além do palestrante, o presidente da Acese, Wladimir Torres, o reitor da Universidade Federal de Sergipe, Ângelo Antoniolli, o vice-presidente da Acese, Robson Pereira, Manoel Macedo, da Embrapa, Márcio Carvalho, presidente do Ipaese e Renato Dantas, do Banese.

 

Tida como a segunda maior instituição de ensino superior particular do Nordeste, a Universidade Tiradentes é o resultado de um projeto que começou em março de 1962, com a fundação do Colégio Tiradentes, na Rua Laranjeiras, Centro da capital. A escola oferecia os cursos de primeiro e segundo graus, Profissionalizante-Pedagógico e Contabilidade.

 

Com 53 anos de história, a Unit é referência em ensino superior e tem mudado a vida de milhares de pessoas através da educação. O Almoço com Negócios da Acese será uma excelente oportunidade de aproximação do setor produtivo e também de demonstrar, através de números, a intensidade da presença desse grande grupo para a economia sergipana.

 

“A Unit é um exemplo de case de sucesso, de empreendedorismo e de formação de pessoas. É de extrema importância valorizar e reconhecer a história dessa instituição que marcou e mudou os rumos do ensino superior do Estado. Além de gerar centenas de postos de trabalho, a Unit contribui de forma significativa para o desenvolvimento econômico e social de Sergipe”, ressalta Wladimir Torres, presidente da Acese.

 

 



Comente via Facebook