Notícias

Geraldo Alckmin apresenta as suas propostas ao empresariado sergipano

 

Mais um pré-candidato à Presidência da República se dispôs a conversar com o empresariado sergipano. Nesta segunda-feira (11), o Almoço Com Negócios – conceituado evento que leva a assinatura da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese) – recebeu o pré-candidato à Presidência da República pelo Partido Da Social Democracia Brasileira (PSDB), Geraldo Alckmin, que  apresentou suas propostas para o retorno do crescimento econômico e social do país.

 Dentre os assuntos abordados em sua palestra, que durou quase duas horas, o ex-governador de São Paulo falou de sua experiência na diminuição da violência no estado, da necessidade de se enxugar a máquina estatal, de desburocratizar o Estado e promover uma reforma tributária, que, segundo ele, seria capaz de atrair investimentos e, consequentemente,  voltar a aquecer o mercado de trabalho. “Eu defendo muito a simplificação tributária, nós temos um modelo tributário que é muito caro. Aqui você tem cinco impostos [ IPI, ICMS, ISS, PIS/Confins], que no mundo inteiro ele é um só”, disse.

Na oportunidade, Alckimin elogiou a Associação Comercial pela iniciativa de promover o encontro e ao empresariado sergipano e declarou sair do encontro motivado pelas demandas do setor produtivo sergipano. “Eu só tenho a agradecer ao presidente da Acese, Marco Pinheiro e a todos os empresários e empreendedores que estiveram aqui, dando-me uma oportunidade de aprender e também apresentar minhas propostas. Saio daqui com uma grande inspiração, ao ver uma entidade que tem 146 anos de serviços prestados ao estado e ao povo de Sergipe”, declarou.

Quem também agradeceu à Acese pelo espaço foi o senador Eduardo Amorim, que foi o mediador para que o evento acontecesse. “Eu quero agradecer a todos que fazem a Acese, especialmente a  Marco Pinheiro, por  esse momento, ter dado a oportunidade de  Geraldo Alckmin se expressar, dividir a sua experiência em São Paulo e o que ele poderá fazer pelo nosso país. Uma pessoa preparada, capacitada, que foi ouvida graças à sensibilidade do empresariado sergipano”.

Durante o encontro, o presidente da entidade, Marco Aurélio Pinheiro, apresentou dados da Missão Empresarial que fez à Colômbia, em 2017, mostrando que a segurança pública está atrelada à investimentos em setores estruturantes. “A Acese passou uma pauta de desenvolvimento, uma pauta mostrando que a segurança pública, o desenvolvimento econômico, a geração de emprego, mobilidade urbana, infraestrutura é o que precisa ser feito para tirar nosso país da crise”, defendeu e falou ainda da sua satisfação em receber o pré-candidato.

“Nós ficamos muito satisfeitos em receber, na manhã de hoje, o ex-governador e pré-candidato Geraldo Alckmin, que passou com muita firmeza e transparência que  conhece profundamente os problemas do país e que se mostrou bastante preparado para  sua solução. Indiscutivelmente quem não tiver um olhar para o empreendedorismo, mas sem perder de vista o social, através da geração de emprego, do desenvolvimento econômico e principalmente com investimento maciço em infraestrutura e isso o presidenciável passou para a sociedade sergipana na manhã de hoje”, apontou Pinheiro.

Geraldo Alckmin

Alckmin já passou pelo legislativo e pelo executivo. Quatro vezes governador de São Paulo, foi também prefeito, vereador, deputado estadual e federal.  Geraldo Alckmin é um dos fundadores do PSDB. Tem 64 anos, dos quais 44 na vida pública. Formado em medicina pela Universidade de Taubaté, começou sua carreira política em Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba, e foi eleito vereador, presidente da Câmara dos Vereadores e depois o mais jovem prefeito da cidade.

Foi eleito e reeleito governador com maior número de votos em praticamente todos os municípios do Estado. Dos 645 municípios paulistas, Alckmin foi o candidato mais votado em 644 nas eleições de 2014, quando se reelegeu em primeiro turno.

Almoço Com Negócios

Desde 2005, de forma ininterrupta, o Almoço com Negócios tem promovido debates da agenda empresarial contemporânea, com empresários e especialistas de reconhecida competência, de expressão nacional e local. Ao longo destes 13 anos, o evento se consolidou como o mais importante do setor produtivo.

Dentre os palestrantes do Almoço com Negócios estão Otaviano Canuto (Conselheiro Sênior do Banco Mundial), Guilherme Afif Domingos (Ministro e Chefe da Secretaria da Micro e Pequena Empresa), Luiz Barreto (Presidente do SEBRAE Nacional), Prof. Angêlo Roberto Antoniolli (Reitor da Universidade Federal de Sergipe), Jaconias de Aguiar (Diretor Presidente da Energisa), Ihanmarck Dasmaceno (Superintendente da Universidade Tiradentes), Saumíneo da Silva Nascimento (Superintendente Estadual do Banco do Nordeste/SE).

Em 2017, foram discutidos temas de grande relevância, como por exemplo, o Projeto de Lei da Reforma Trabalhista, com o Deputado Federal Laércio Oliveira; Inovação das Pequenas e Micro Empresas, com o economista Ricardo Lacerda; a Nova Legislação Trabalhista, com o Prof. José Pastore; a Reforma da Previdência, com o Deputado Federal Luiz Carlos Jorge Hauly;  A Reforma Trabalhista do Pleno Emprego, com o Presidente do TST Ives Gandra Martins Filho.

Neste ano, o Almoço com Negócios já recebeu os pré-candidatos à Presidência da República Flávio Rocha (PRB) e o Senador Álvaro Dias (Podemos) e no dia 05 de julho, receberá João Amoêdo (NOVO).

As edições extras com os pré-candidatos são fruto de uma parceria da Acese com a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sergipe (FCDL), a Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL), o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Município de Aracaju (Setransp), a Associação Brasileira de Indústrias de Hotéis de Sergipe (ABIH-SE), o Fórum Empresarial de Sergipe, o Sindicato dos Lojistas de Sergipe (Sindilojas) , o  Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor do Estado de Sergipe (Sincadise) o  Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado de Sergipe (Sindesp), o Sindicato das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas e das Empresas de Serviços Contábeis e Sindicato de Empresas de Asseio e Conservação (Seac).

 

 

 

Publicado em 12/06/2018



Comente via Facebook