Notícias

Entidades empresariais discutem melhorias no sistema de estacionamento rotativo de Aracaju

Diante da preocupação em garantir a lojistas e consumidores um sistema mais eficiente de estacionamento e buscando entregar aos cidadãos um sistema de estacionamento rotativo no Centro de Aracaju de forma aprimorada, a Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (ACESE), juntamente com a CDL-Aracaju, Fecomércio-SE, SEBRAE-SE, se reuniu com a Sertel, empresa responsável pelo Estacionamento Rotativo na Capital, buscando identificar deficiências e buscando soluções que permitirão a usuários do sistema de estacionamentos rotativos mais comodidade e vantagens.


De acordo com Marco Pinheiro, presidente da ACESE, a discussão é benéfica para o comércio e usuários. “Estamos pensando em dois eixos. O primeiro, do usuário, que passará a ser estimulado a usar o sistema de estacionamento rotativo com segurança e passará a ter vantagens no centro de Aracaju e toda a região contemplada pelo estacionamento rotativo. E o segundo, o empresário, que, além de poder contar com um estímulo para que seu cliente vá ao Centro de Aracaju, garantirá, às lojas cadastradas, mais facilidade e publicidade nesta nova ação”, afirmou.


“Buscamos solucionar as deficiências de um sistema que poderá garantir ao usuário mais comodidade e, para isso, é preciso entender quais as atribuições de cada um dos agentes públicos no processo de fiscalização e manutenção de um sistema que precisa funcionar, pelo consumidor e pelo empresário”, argumentou o presidente. 


A reunião foi produtiva, sendo pensada também em novos modelos para incentivar o uso do Estacionamento Rotativo, para aplicação num futuro próximo. “A ideia é que, após os encaminhamentos para a aplicação do sistema, num primeiro momento, sejam criadas ações que envolvem descontos a usuários do aplicativo Rotativo Aracaju, gerenciado pela Sertel, com o objetivo de estimular o pagamento do estacionamento por meio da plataforma digital. Entre eles, a possibilidade de cupons que podem ser aplicados para estacionamento por meio do aplicativo Rotativo Aracaju, por meio de lojas conveniadas, que já está sendo estudado”, concluiu Pinheiro.


Segundo Brenno Barreto, da CDL-Aracaju, o pleito levado e debatido entre as entidades e a Sertel, empresa responsável pela administração do sistema de estacionamento rotativo. “As vagas são rotativas e as medidas discutidas buscam estimular a rotatividade, pois no sistema rotativo, há um fluxo, por conta do giro, pois não estamos falando de uma vaga fixa, mantida com base na ilegalidade. O usuário fica ali por duas, três horas, enquanto resolve suas coisas e depois deixa a vaga para um próximo”, explicou.

 

Estiveram presentes na reunião, realizada na última quinta-feira, 18,  além do presidente da ACESE, Marco Pinheiro, e o vice-presidente, Maurício Vasconcelos, Brenno Barreto, presidente da CDL-Aracaju, e    Edmilson Andrade, Superintendente da FCDL, Alex Garcez, presidente do SICOFASE, que, na ocasião, representou a Fecomércio-SE, além de Marlon Valezzi, representante da Serttel, empresa que gerencia o aplicativo Rotativo Aracaju, e Luciana Porto, assessora da presidência do Conselho Deliberativo do SEBRAE-SE.

Publicado em 24/10/2019



Comente via Facebook