Notícias

Acese elabora núcleos temáticos para contribuir com o desenvolvimento do comércio

 

Na tarde da última quinta-feira, 12, o presidente da Associação Comercial e Empresarial do Estado de Sergipe (Acese), Marco Pinheiro, realizou uma reunião com o intuito de organizar núcleos temáticos. A intenção é debater ideias para o fortalecimento do setor produtivo, além de ofertar um suporte técnico-profissional para os comerciantes associados que necessitem de orientação.

Foram convidados para fazer parte dos núcleos a advogada Adriana Mallezan, o economista Idalino Souza e os empresários Bráulio José Felizola dos Santos e Luiz Fernando Carvalho Leite de Melo, mais conhecido como Fernandinho. O presidente destacou que todos são pessoas experientes em suas áreas de atuação, com importantes serviços prestados e que agora poderão trazer esse conhecimento para a Associação Comercial.

“Temos a honra de ter em nosso quadro de associados pessoas de relevância, com conteúdo e experiências que podem ser revertidos para o bem, tanto da Acese, quanto da comunidade sergipana como um todo. Pela inegável qualidade das pessoas que convidamos, tenho a confiança de que estamos construindo algo bom instituindo esses núcleos. Certamente que eles trarão muitos frutos para todos nós”, assegurou Marco Pinheiro.

O economista Idalino prognosticou uma perspectiva positiva com a formatação desses núcleos. “Vamos contribuir no crescimento da Acese, trazendo novas concepções, novos projetos, além de nos colocarmos à disposição dos associados. Foi uma primeira conversa excelente. Conheci pessoas com ideias muito boas e com uma inegável expertise naquilo que fazem”, considerou.

A advogada Adriana Mallezan garantiu ter ficado honrada com o convite feito pelo presidente Marco Pinheiro. Para ela, esta é uma grande oportunidade de levar mais conhecimento da área jurídica e tributária para os associados da Acese. “Sabemos que isso é capital até para uma tomada de decisão desses empresários, pois existe um custo para uma assessoria jurídica particular. Agregaremos um valor muito importante, uma vez que decisões jurídicas afetam diretamente o dia a dia de todas as empresas”, explanou.

Publicado em 13/03/2020



Comente via Facebook